Fechar

casa de favaios

Alijó, 2016

Um antigo arrumo agrícola, uma construção em xisto num socalco do douro vinhateiro, foi transformado num pequeno refúgio de fim de semana.
Esta antiga construção, insere-se num comprido lote de terreno agrícola, que, tal como muitos outros lotes vizinhos de dimensões e configurações semelhantes, é explorado como vinha. Nestes terrenos não existem muros ou cercas de divisão, pertencendo todos a uma grande unidade vinhateira.
As diferenças de cotas e a repetição de arrumos agrícolas idênticos nos terrenos vizinhos, sugeriu a construção de mais um volume de configuração semelhante.
Tal como a pré-existente, a nova construção prolonga-se para uma esplanada horizontal. Tal como no antigo arrumo, este plano mantém a mesma materialidade do volume a que está associado. Desta forma, estas duas construções, agora juntas, estendem-se e a prolongam-se na direcção do vale do rio Douro.

Dados técnicos

  • local: Favaios, Alijó
  • projecto: reconversão e extensão de armazém agrícola para habitação
  • equipa: Catarina Ribeiro, Vitório Leite, Francisco Pereira
  • área: 70 m2